Aventura em Moçambique

Abril 29 2014
 

Cá estou para vos falar do fim-de-semana! Sobre o Sábado não tenho muito para dizer pois o P. teve que ir trabalhar e fiquei por casa, mas em contrapartida tenho muito para contar sobre o Domingo!

Decidimos ir á praia! Boa decisão por um lado, má por outro, já vão perceber porquê!

Saímos de casa pelas 10h30 e lá fomos rumo á Praia da Macaneta. Para mim, foi uma descoberta de tudo, porque foi a primeira vez que saí daqui do centro da cidade. Ia cheia de ansiedade e curiosidade. Esperava-me uma aventura pela frente!

No caminho, por entre a confusão de trânsito que já é caracteística daqui (falarei sobre este assunto mais detalhadamente num outro post), fui olhando com atenção para tudo o que se passava á volta. O cenário é realmente estranho, diferente, confuso. As pessoas andam amontoadas em todo o lado! Há muita gente, tanto a andar a pé, como nas casas, nos mercados, nas bancas de rua e até dentro dos carros (os chapas estão quase sempre cheios de gente). Muita polícia a mandar parar os carros, muitas pessoas no meio das estradas a tentar vender todo o tipo de coisas, muitas nuvens de pó no ar (porque não há passeios e há muitas estradas de terra batida).

Algumas fotos que fui tirando pelo caminho:


 
Cerca de 40 minutos depois chegamos á zona onde temos que apanhar o barco, e deixámos o carro aqui (tambem se pode levar o carro no barco, mas só se for jipe senão não passa depois no caminho até á praia, além disso não aconselho muito pois no regresso, a fila para entrar com os carros no barco é gigante). O barco leva uma boa meia hora a carregar. De repente o tempo muda e do nada vem uma ventania enorme. Chegando ao outro lado do rio, tínhamos o transporte do Lodge á nossa espera (telefonámos antes a reservar). O caminho é mesmo só para jipes e atrevo-me a dizer que não é para todos os jipes! Andamos aos saltos dentro do jipe durante uns 15 a 20 minutos até chegar á Praia. É um caminho engraçado, com muita areia, onde nos cruzamos com vacas e cabras, a encontramos tambem sempre gente e crianças a brincar. O vento era cada vez mais forte.
 
Chegada à praia... ou melhor, ao paraíso! Não preciso de relatar muito, as fotos falam por si. Adorei e vou repetir. Pena foi o tempo. O vento era tal que tivémos que regressar mais cedo. Segundo um dos funcionários do Lodge, foi só neste dia que fez este mau tempo, pois nos outros dias todos esteve muito bom. Mas fui na mesma verificar se a água da praia é realmente quente! E é sim! Mas aproveitámos da melhor maneira possível e sim, quero voltar lá em breve num dia de sorte com o tempo ;)

 
 
publicado por Vandinha às 23:44

Ainda que agora sejam apenas hora do pequeno almoço confesso que esses camarões iam saber muito bem. Quanto à agua, se dizes que é quente eu iria adorar. A temperatura da agua que me ficou na memoria foi em Israel. Era quente, mas mesmo quente.
Desejo-te um bom dia.
Joana a 30 de Abril de 2014 às 08:39

Olá Joana!
Antes de mais muito obrigada por seres leitora do blog.
Notei que leste os varios posts anteriores e que deixaste diversos comentários, simpáticos, por sinal!
Qualquer questão ou duvida que pretendas esclarecer estou ao dispor.
Um beijinho e um excelente dia para ti!
Vandinha a 2 de Maio de 2014 às 14:06

Este blog é dedicado à nossa familia e amigos, que apesar da distância fisica, estão sempre no nosso coração. É uma forma de estarem perto de nós e de seguirem o nosso dia-a-dia nesta grande aventura!
mais sobre mim
Abril 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17

21
22
23
26

27
30


pesquisar
 
Contador de Visitas
blogs SAPO